Archive for Abril 2015

Amanda Marchi


Amanda Marchi é a escritora do romance queer A Garota da Casa Grande, que mostra a história de Georgia, que apresenta suas férias em uma cidade do interior de forma sarcástica e um tanto rabugenta. Presa na casa da sua avó, ela se vê em monotonia constante; ao menos até conhecer Alice, sua vizinha, "não da frente, mas da diagonal". Um romance queer no qual a temática LGBT é uma das vertentes, mas não o todo.

Você pode achar o livro no Skoob clicando aqui! Caso você queira ter acesso ao livro por e-book, envie um e-mail para agarotadacasagrande@outlook.com

A escritora também participa do livro Paixões Clandestinas - Outras Paixões, da editora Nanquim. O livro está disponível para download e pode ser encontrado aqui!

Posted in | Leave a comment

Explorando Taren-Was


Solarium 3 foi publicado pelo selo Anthology, da Editora Multifoco. Meu conto no livro é Explorando Taren-Was e é o primeiro conto do meu universo de ficção científica. O conto, e o meu universo, se encaixam predominantemente numa Hard Science Fiction, onde a história se alicerça na construção biológica e científica de outros planetas e dos seres extraterrenos, e não em questões de conflito social (soft Science Fiction).

Mais do que um bom representante do gênero FC, esse conto é o começo da minha descoberta no gênero e o meu tatear, um pouco desajeitado, nas bases dele. Caso queiram ler o conto, só entrar em contato comigo. Aqui vai um pedacinho:

Realmente deveria haver algo no ar. Recoloquei o capacete, mas minhas forças continuaram a se esvair e uma fina injeção de medo foi se ampliando e preenchendo meu corpo, fazendo-me suar e mal respirar. Agora estou chegando à nave que nos trouxe para cá, na tentativa de avisar aos outros, mas...

Nomes conhecidos que aparecem no livro são os do Daniel Dutra (autor de A Eva Mecânica e outras histórias de Ginoides) e Thiago Lucarini (autor de Réquiem e de Além do Véu da Morte).

Você pode acessar a página do livro no Skoob clicando aqui!

Posted in , | Leave a comment

Sempre Inconstante


Sempre Inconstante é uma HQ nacional independente criada por Anderson B. Essa HQ tem um quê de experimental e Anderson deixa isso logo claro no prefácio. Ao longo das várias pequenas histórias que ele vai mostrando entre palavras-e-figuras, Anderson tateia um estilo bem próprio, que vai além das costumeiras histórias de super-heróis e anti-heróis. Sempre Inconstante é o próprio retrato da vida, que existe para nos confundir e nos confunde para existir.

Aviso: a última página é como é; leia primeiro.

Acesse o link do skoob aqui!
E a página do autor aqui!

Posted in | Leave a comment

Oceanbird & Windbear


Oceanbird e Windbear são os pais do vilão da série O Laboratório de Dexter, Mandark. Logo que o filho nasceu, os dois tiveram uma ótima ideia: dar ao filho um nome que não tivesse as conotações de gênero pré-concebidas. Assim, Mandark recebeu o nome Susan. Infelizmente para os dois, Mandark foi atingido por um raio que o deixou pure evil.

Assim, o plano dos pais não funcionou muito bem, mas foi uma grande ideia.

Posted in | Leave a comment

Ellie Sattler


Ellie Sattler é a fantástica paleobotânica de Jurassic Park (1993), interpretada pela Laura Dern. Ellie é uma especialista no ramo e é convidada para ir até o Parque dos Dinossauros para dar o seu parecer sobre o funcionamento. No filme, ela está em várias das cenas de ação e uma de suas conversas é marcante:

[Após a fuga dos dinossauros de suas jaulas, Ellie está saindo do esconderijo para desligar a eletricidade e reiniciar o sistema]
John Hammond  (o criador do parque): Eu que deveria estar indo.
Ellie: Por quê?
John: Bom, eu sou... E você é... Hum... Uma...
Ellie: Olha, podemos discutir sexismo em situações de sobrevivência quando eu voltar.
[E sai]

Minha reação:

Posted in | 1 Comment

Violet Baudelaire



Violet Baudelaire é uma das órfãs Baudelaire na série Desventuras em Série, e apareceu no filme com o mesmo nome. Violet é uma garota extremamente inteligente que consegue resolver a maior parte das situações com uma invenção, que todos que a conhecem sabe que se segue ao amarrar de seus cabelos.

No filme, Violet continua com a mesma personalidade, mas tem menos cenas de ação que no primeiro livro da série (Mau Começo). Enquanto no filme o irmão (Klaus) que escala a torre para salvar a irmã menor (Sunny), no livro é Violet que toma coragem e vai fazer isso.

Violet é uma personagem memorável, que escancara que mulheres podem escalar torres, enfrentar grandes vilões, cuidar dos irmãos menores e, nos tempos vagos, criar grandes invenções.

Posted in | Leave a comment
Tecnologia do Blogger.

Search

Swedish Greys - a WordPress theme from Nordic Themepark. Converted by LiteThemes.com.